Com patrocínio CBC Taurus, atletas brasileiros são destaques mundiais na Espanha

outubro 04, 2021

Com patrocínio CBC & Taurus, atletas brasileiros são destaques mundiais na Espanha


Da Esq. p/a Dir.: Carlos Muchinski, Lamberto Ramenzoni e Rubens Molena (Dodo)

*LRCA Defense Consulting – 04/10/2021

No final de semana de 01 a 03 de outubro, o Brasil, representado pela equipe composta por Rubens Molena (Dodo), Lamberto Goy Ramenzoni e Carlos Rafael Muchinski, atletas patrocinados Taurus & CBC, conquistaram pelo segundo ano consecutivo, a vitória do Match das Nações na modalidade Tiro à Hélice! O evento ocorreu no clube Somontes em Madri, Espanha.

Rubens Molena (Dodo)

No final de semana anterior, de 25 a 26 de setembro, o atleta Rubens Molena conquistou o primeiro lugar na “Copa S.M. el Rey 2021 Fan 32 – Campeonato Del Mundo de Tiro de Hélices”, em Madri, na Espanha.

Dodo Molena, como é conhecido, foi o único atirador que conquistou a pontuação 20/20 na disputa final, surpreendendo o cenário mundial da modalidade.

Lamberto Ramenzoni

Ainda no dia 1º de outubro, Lamberto Ramenzoni sagrou-se campeão mundial com a pontuação 45/45, na Copa Presidente y Cto, na Espanha, onde competiu com 332 atiradores.


The Helix Shot (Tiro à Hélice)
Esta modalidade do Tiro Esportivo consiste em lançar uma hélice em voo e quebrá-la, ou pelo menos, separar a placa testemunha (branca) das pás (laranja). É condição sine qua non que a referida testemunha permaneça dentro do cercado, que é uma área delimitada como um âmbito. Se a testemunha branca cair fora desse carcado, mesmo que tenha saído das lâminas, é considerada ruim ou falhou, como se não tivesse sido quebrada.

A quadra é organizada com cinco máquinas duplas em frente a uma estação central, com várias posições, e geralmente cada curva é composta por nove hélices que são disparadas em três lotes de três. Cada uma pode ser disparada até dois disparos e há duas instâncias onde o atirador solicita: uma de aceleração onde as hélices começam a girar (ao dizer “pronto”), e uma segunda fase de ejeção, quando a hélice é disparada da lançadeira, ao comando de “puxar” ou “ir”.

Ao contrário das placas que voam em linha reta, como no Tiro ao Prato,as hélices o fazem em velocidades mais lentas, mas de maneiras mais imprevistas, o que não torna mais fácil acertá-las.

O patrocínio CBC e Taurus
Mais uma vez, atletas patrocinados pela CBC e Taurus têm um excelente resultado em um campeonato de tiro esportivo.

Consideradas entre as principais fabricantes de armas e munições do mundo, a CBC e a Taurus investem fortemente em apoio ao esporte do tiro e oferecem ao segmento um completo portfólio de produtos de alto desempenho e qualidade.

Além de incentivarem o esporte e entidades organizadoras, incluindo Confederações, Federações e Ligas, entre outras entidades, e campeonatos em todo Brasil, atualmente, as empresas também patrocinam diretamente cerca de 40 atletas em diversas modalidades e categorias do Tiro Esportivo, de competidores consagrados a jovens talentos.

O programa de patrocínios da CBC e da Taurus tem como objetivo apoiar os atletas, oferecendo apoio e recursos de que eles necessitam para atingir seu potencial máximo. Os patrocinados são selecionados com base em suas jornadas, potencial e conquistas esportivas. Além disso, o programa também tem como objetivo incentivar o ingresso e formação de novos atiradores e jovens talentos.

Cada vez mais em crescimento, o Tiro Esportivo possui tradição no País e rendeu a primeira medalha olímpica para o Brasil. Em 1920, Guilherme Paraense obteve a primeira medalha de ouro em Jogos Olímpicos. A conquista ocorreu na Antuérpia, na modalidade “Tiro de Revólver”. 

Por LRCA Defense Consulting às 10/04/2021 03:26:00 PM

Fonte: Indústria de Defesa-BR – 04/10/2021 – WEB

https://www.lrcadefenseconsulting.com/2021/10/com-patrocinio-cbc-taurus-atletas.html

Compartilhar